Gestão de Turismo

Apresentação

 O Curso Técnico Superior Profissional (CTeSP) em Gestão de Turismo, em parceria da ESCE/IPS com a ESE/IPS, confere uma formação de nível 5 ISCED (Short-cycle tertiary education), orientada para o mercado de trabalho através do exercício de funções ao nível dos processos de gestão em diversos tipos de organizações, públicas ou privadas, ligadas ao setor do turismo. O Plano de Estudos do curso está organizado numa base semestral, correspondendo a 120 créditos (ECTS). O plano de estudos compreende 2 anos letivos constituídos por 20 unidades curriculares com 3000 horas de trabalho totais. A criação deste curso irá possibilitar às empresas da região, a incorporação de novos profissionais e/ou a qualificação dos seus colaboradores, permitindo-lhes adotar uma gestão mais profissional, eficiente e sustentável.

Área de Formação: 812 - Turismo e Lazer.

Local de Funcionamento: Setúbal - ESCE/IPS.

Objetivos

O técnico profissional em Gestão de turismo deverá estar apto a desenvolver as seguintes atividades:

  • Elaborar planos de marketing; 
  • Operacionalizar a política comercial da organização; 
  • Planear e a organizar eventos e atividades de animação turística; 
  • Gerir recursos humanos; 
  • Orçamentar atividades turísticas; 
  • Elaborar itinerários turísticos; 
  • Gerir operações turísticas; 
  • Realizar estudos de mercado relacionados com a atividade turística; 
  • Gerir reservas através de sistemas informáticos de distribuição turística; 
  • Elaborar relatórios de análise e apoio à gestão.

Plano de estudos

Plano de Estudos em Vigor
Despacho de publicação em Diário da República

Homologação

Registo inicial

Informação DGES.

Saídas profissionais

O/A Técnico/a Superior Profissional em Gestão de Turismo tem por funções, efetuar o planeamento e a gestão de atividades turísticas, nomeadamente, operações de gestão empresarial, comercial e marketing, eventos e animação, itinerários turísticos e reservas, tendo em conta a legislação e os padrões de qualidade aplicáveis ao setor.

Razões para a escolha do curso

Existem um conjunto de motivos que tornam este curso muito atrativo, nomeadamente:

  • Trata-se de um curso que prepara quadros técnicos para intervir profissionalmente num setor estratégico da economia nacional;
  • Trata-se de um curso com uma taxa de empregabilidade muito elevada;
  • Tratando-se de um curso técnico superior profissional existe dispensa da realização dos exames nacionais para os estudantes;
  • É proporcionado aos estudantes um estágio em contexto de trabalho;
  • Os estudantes podem continuar os seus estudos em várias licenciaturas das Escolas do Instituto Politécnico de Setúbal (garantia de creditação/equivalências)

Duração e total de créditos ECTS

120 ECTS.

Coordenação do curso

Diretor de Curso: Prof. João Tomás dos Santos Pina da Silva
Co-Diretor de Curso: Prof. Paulo Alexandre Correia Nunes

Propina anual

750 euros (consulte regulamentação de propinas)

Número de vagas

28 vagas.
Máximo de 70 estudantes em simultâneo.

Condições de acesso e ingresso

Podem candidatar-se:

  • Titulares do Ensino Secundário (regular ou profissional);
  • Titulares de CET, CTeSP ou Curso Superior;
  • Titulares das Provas para Maiores de 23 Anos.

Consulte aqui as condições de acesso específicas para o Regime Geral
Consulte aqui as condições de acesso específicas para o Regime de M23
Consulte aqui as condições de acesso a Mudança de Par Instituição/Curso e Reingresso

Pré-requistos

Não aplicável.

Outra informação

Empregabilidade

Documentos

Modelo Pedagógico
Estágios - Minutas e Procedimentos (deverá registar-se no Portal do IPS).

Plano de Equivalências

(Brevemente disponível)

Informações Pedagógicas

Contacto de e-mail da coordenação do curso: 

Prof. João Tomás dos Santos Pina da Silva (joao.tomas@esce.ips.pt)
(ESE) Prof. Paulo Alexandre Correia Nunes (paulo.nunes@ese.ips.pt)